DPCA PRENDE HOMEM QUE ESTUPROU OS PRÓPRIOS FILHOS DURANTE MAIS DE DEZ MESES

Na noite de hoje, Policiais Civis da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente ( DPCA) da cidade de Vacaria prenderam C.K.R., com 31 anos de idade, em cumprimento a Mandado de Prisão Preventiva expedido pelo Poder Judiciário.

O preso é acusado de ter estuprado inúmeras vezes os próprios filhos, um menino com 07 (sete) anos de idade e outro menino com 09 (nove) anos de idade, durante aproximadamente 10 (dez) meses.

A denúncia inicial foi feita pela própria mãe do acusado no mês de julho do corrente ano, após a mesma ter ouvido os relatos dos netos sobre os abusos sexuais sofridos.

Em depoimento prestado na Delegacia de Polícia, as Crianças confirmaram os inúmeros abusos sexuais que sofreram e narraram detalhadamente como ocorreram os fatos.

Encaminhadas as Crianças ao Departamento Médico Legal, os Abusos Sexuais referentes principalmente a Coito Anal foram confirmados de forma contundente através de Exames realizados pelos Médicos Legistas com relação aos dois meninos.

O Pai estuprava e também ameaçava os filhos, a fim de que os mesmos não contassem a ninguém o que estava acontecendo.

Diante disso, a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente de Vacaria solicitou ao Poder Judiciário a Prisão Preventiva do acusado e o Pedido foi atendido.

Com isso, C.K.R. foi preso na noite de hoje e encaminhado ao Presídio Estadual de Vacaria, onde ficará à disposição do Poder Judiciário.

Na próxima semana, a DPCA de Vacaria concluirá o Inquérito Policial e remeterá o mesmo à Justiça.

Se condenado, C.K.R. ficará sujeito a penas que poderão chegar a 30 anos de prisão.


Compartilhe este post.
Bookmark e Compartilhe

Nenhum Comentário Quero comentar!

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Leave a comment

Autor desta matéria

Everaldo Camargo

Diretor Geral, mora em Bom Jesus-RS
Posts Facebook E-mail

Dados desta matéria



Anuncie

Quer ver sua empresa no Portal Mister Kanú?

Acesse Quem Somos > e solicite maiores informações.

Colabore

Quer ter seu texto publicado no site?

Acesse a página Faça Contato > e veja como.