MP é atendido e TJ determina que colégio de Vacaria realize inclusão escolar

Ao julgar recurso ingressado pela Promotoria de Justiça de Vacaria, o Tribunal de Justiça determinou, liminarmente, que o Colégio Bom Jesus, localizado naquele Município realize a inclusão escolar das crianças com necessidades especiais.

O Ministério Público postula a disponibilização imediata dos itens necessários à adequada oferta de atendimento educacional especial para crianças com necessidades especiais. A intenção é que a escola particular se torne capacitada a prestar plenamente o serviço de educação.

O Promotor de Justiça Luis Augusto Gonçalves Costa ressalta que o Colégio Bom Jesus foi instado durante meses a dar o atendimento adequado às crianças e nada foi feito.

A liminar em ação civil pública foi indeferida na Justiça de Vacaria, com o entendimento que somente poderia ser exigido das escolas públicas o devido atendimento para crianças nesta situação. No entanto, o Ministério Público recorreu da sentença de 1º grau argumentando que todas as escolas públicas e privadas devem prestar o atendimento às crianças com necessidades especiais, conforme a legislação, em especial a Lei de Diretrizes e Bases da Educação.

Agência de Notícias
imprensa@mprs.mp.br


Compartilhe este post.
Bookmark e Compartilhe

Nenhum Comentário Quero comentar!

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Leave a comment

Autor desta matéria

Everaldo Camargo

Diretor Geral, mora em Bom Jesus-RS
Posts Facebook E-mail

Dados desta matéria



Anuncie

Quer ver sua empresa no Portal Mister Kanú?

Acesse Quem Somos > e solicite maiores informações.

Colabore

Quer ter seu texto publicado no site?

Acesse a página Faça Contato > e veja como.